6 REGRAS DE OURO PARA COMER BEM APÓS O ESPORTE

Pouco importa o momento do dia em que pratica o exercício, não se pode negligenciar a fase de recuperação após o esporte. Isto é essencial para progredir e recuperar rapidamente a forma, independentemente de seu nível de treinamento. O trio vencedor para gerir a fadiga? Alongamentos, hidratação, alimentação. Para o fazer corretamente, nós propomos-lhe que descubra as 5 regras de ouro para aprender a comer bem após o esporte e recuperar corretamente.

 

Regra n° 1: comer no espaço de 2 horas após o esforço

Comer bem após uma sessão de esporte intensa ajuda seu organismo a regenerar-se e prepara-o para o treinamento seguinte. Para o fazer corretamente , tem que comer logo após o esforço ou dentro das 2 horas seguintes. É durante este período de tempo que seu corpo procura reconstituir suas reservas o mais rapidamente possível. Na verdade, neste preciso momento, um aumento da atividade das enzimas permite-lhe armazenar glucose (para a energia) e fabricar proteínas para os músculos cansados.

 

Regra n° 2: beber água

A água é o primeiro elemento a fornecer ao seu corpo após o esforço. A água serve para compensar as perdas de água, ela permite restituir uma boa circulação sanguínea. Escolha uma água rica em bicarbonato que ajuda a regular o PH do organismo. Em caso de transpiração significativa, opte por uma água com gás rica em minerais (sódio, magnésio, potássio…). Após uma prova desportiva, também pode beber um caldo de legumes, excelente para reidratar o organismo e reconstituir suas reservas minerais. Evite ao máximo o café, o chá ou ainda o álcool, que travam a fase de recuperação.

 

Regra n° 3: banir os snacks!

Acabou de realizar uma sessão de fitness? Está de questão comer qualquer coisa! Para além dos alongamento e de uma boa hidratação, a recuperação passa por uma alimentação adaptada. Seria uma pena comer seja o que for e destruir o trabalho realizado. O esporte não é desculpa para a gulodice... Esqueça os petiscos que não são bons e que são frequentemente gordurosos, não construtivos e impulsivos. Após o esporte, o melhor é preparar um verdadeiro lanche, ou uma refeição de recuperação.

 

Regra n° 4: escolher o momento certo

O que escolher como refeição ligeira após o esporte? Entre os produtos suscetíveis de compensar os défices nutricionais e energéticos, aposte principalmente naqueles que contêm açúcares rápidos, úteis apenas após o esforço: as bananas, os frutos secos, o mel, as barritas de cereais, os sumos de fruta… De salientar que os frutos secos constituem uma excelente refeição ligeira energética visto que seus açúcares naturais são facilmente assimiláveis. Eles fornecem especialmente minerais benéficos para a atividade muscular.

 

Regra n° 5: apostar nas proteínas

Qualquer que seja a atividade de fitness praticada, ingerir proteínas na fase de recuperação é essencial para uma boa reparação muscular. Durante uma sessão de esporte, as fibras musculares são solicitadas, provocando microlesões que irão alterar o tecido muscular. Em resposta a estas microlesões, o músculo irá adaptar-se reparando as fibras musculares, graças aos aminoácidos proporcionados pelas proteínas alimentares.

 

  • O que comer ao pequeno-almoço depois do esporte? Se treina de manhã, opte por ovos e pão integral. A gema e a clara dos ovos são ricas em proteínas, irão restaurar seus músculos cansados. O pão irá recarregar suas reservas de energia. Também pode optar por uma tigela de cereais com leite magro.

 

  • O que comer ao almoço ou ao jantar depois do esporte? Peixe! De preferência, escolha o salmão, rico em proteínas e Ómega 3 (bons para o coração). Acompanhe-o com arroz integral e legumes cozinhados ao vapor para fornecer ao seu corpo os glúcidos saudáveis e vitaminas B, que ajudam a produzir energia.

 

Regra n° 6: preferir uma bebida de recuperação em casa

Os grandes atletas também podem preparar uma bebida de recuperação em casa para reconstituir suas reservas musculares de glicogénio e reparar os tecidos após um esforço. Este tipo de bebida não é necessário para as pessoas que têm uma atividade física moderada, visto que esta anularia o gasto calórico realizado durante o esforço. A receita certa:

 

  • 1 banana, 100ml de leite magro (ou de leite de amêndoa), 1 iogurte natural (ou grego), 15 g de flocos de aveia. Misture os ingredientes e beba bem fresca após sua sessão de treinamento.

 

De salientar: as pessoas que praticam musculação poderão escolher uma proteína de assimilação rápida ou soro de leite (whey ou pure whey), que permite uma assimilação completa no espaço de 2 horas após a paragem da atividade. Descubra a gama de produtos proteicos Aptonia adaptados para a construção muscular.

 

 

 

Compreendeu, comer bem após o esporte é essencial para ajudar o corpo a recuperar. Lembre-se destes conselhos para ter bons reflexos após sua sessão de treinamento ter terminado!

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Vote
VOLTAR PARA O TOPO